Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notas à imprensa > 2019 > 10 > Comércio Eletrônico na Organização Mundial do Comércio

Economia

Comércio Eletrônico na Organização Mundial do Comércio

Nota à imprensa

Nota Conjunta do Ministério da Economia e das Relações Exteriores
por publicado: 11/10/2019 17h14 última modificação: 11/10/2019 20h15

O Brasil apresentou na segunda-feira, 7 de outubro, na Organização Mundial do Comércio (OMC), proposta acerca de disciplinas para a facilitação do comércio por meio de tecnologias digitais, a ser considerada nas negociações sobre comércio eletrônico em curso na organização.

O documento sugere diretrizes e recomendações de boas práticas para o uso de tecnologias da informação e da comunicação como meio de tornar mais eficiente a implementação das obrigações já assumidas no Acordo de Facilitação de Comércio da OMC.

Trata de questões como o uso dessas tecnologias para o desembaraço de bens na aduana e a manutenção e a divulgação em sítios eletrônicos de informações relacionadas com o comércio, inclusive as relativas à documentação exigida nos trâmites comerciais e às condições de acesso aos mercados dos países envolvidos (tarifas de importação, impostos, medidas não tarifárias, etc.).

A ativa participação do Brasil nas negociações sobre comércio eletrônico demonstra o inequívoco compromisso do País com a vitalidade e a relevância da OMC na economia do século 21.