Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2020 > Março > SPU marca para 23 de abril a venda de 13 terrenos da União em Campo Grande

Economia

SPU marca para 23 de abril a venda de 13 terrenos da União em Campo Grande

PATRIMÔNIO DA UNIÃO

Valor global estimado de arrecadação é superior a R$ 1,6 milhão, na avaliação da SPU
por publicado: 12/03/2020 13h11 última modificação: 12/03/2020 16h11

A Superintendência do Patrimônio da União no estado de Mato Grosso do Sul (SPU/MS) marcou para 23 de abril a venda de 13 terrenos da União, localizados na capital, Campo Grande. Os detalhes da licitação foram divulgados nesta quinta-feira (12/3) no Diário Oficial da União (DOU), por meio do Aviso de Licitação Concorrência SPU/MS nº 004/2020.

A alienação dos imóveis mencionados foi autorizada pelo Comitê Central de Alienação (CCA) da Secretaria de Coordenação e Governança do Patrimônio da União do Ministério da Economia (SPU/ME). A medida atende à atual política de governo de enxugar o Estado brasileiro, diminuir gastos públicos e aumentar a arrecadação.

 Os compradores interessados deverão comparecer à sessão pública no período das 14 às 17 horas de 23 de abril de 2020, na Rua Joaquim Murtinho, 65, Centro de Campo Grande. A abertura de envelopes será realizada a partir de 14h30, prazo para a entrega de documentação e propostas.

Os terrenos ofertados para venda, todos da localidade Jardim Imá, possuem entre 416 e 480 m². Há opções de preços nos valores mínimos de R$ 111,7 mil, R$ 118,6 mil e R$ 131,4 mil. Será vencedor na licitação o participante que apresentar maior oferta considerando o valor mínimo do imóvel escolhido para compra. A SPU estima que o valor global de arrecadação pode ser superior a R$ 1,6 milhão.

Outras informações sobre a concorrência pública no Mato Grosso do Sul poderão ser obtidas nos dias úteis, a partir de 21 de março de 2020, no horário das 8 às 17 horas, no endereço Rua Joaquim Murtinho, 65, em Campo Grande. Para contatos, a SPU também coloca à disposição  ou os telefones: (67) 3383-4040 ou (67) 3384-3188. Além das opções citadas, os interessados poderão se informar no Portal do Ministério da Economia